Demonstrações contábeis são documentos essenciais para a atividade empresarial. Elas fazem parte das obrigações legais que uma empresa tem perante à Receita Federal para comprovar seus resultados e apresentar dados financeiros que servem para nortear o pagamento de impostos e a adequação ao regime tributário.

Mas a importância das demonstrações não fica apenas no campo fiscal. As informações captadas servem para dar transparência aos resultados corporativos, que interessam aos gestores, sócios e investidores.

Por se tratar de um assunto de suma importância para a saúde financeira de uma empresa e nortear seu comprometimento fiscal, vamos apresentar as principais características das demonstrações contábeis e como uma empresa deve proceder para executá-las com sucesso.

O que são demonstrações contábeis?

As demonstrações contábeis são definidas como documentos de contabilidade que fazem parte das obrigações de uma empresa que atua em conformidade com as leis fiscais brasileiras. 

Elas servem como comprovações das informações enviadas à Receita Federal, que, por sua vez, são utilizadas para estipular a carga de impostos que a instituição deve pagar.  

Em empresas de capital aberto, os demonstrativos contábeis são essenciais para apresentar os resultados aos acionistas, seguindo o que determina a lei 6404/76. 

Trata-se de uma prestação de contas, que é divulgada junta a um relatório de administração anual, que aponta detalhes do desempenho da instituição ao longo do ano.  

Como são feitas os demonstrativos?

Existem padrões que devem ser seguidos na produção das demonstrações contábeis. Os critérios são estipulados por lei e reúnem todos os dados necessários para expressar a real situação patrimonial de uma empresa. 

A finalidade é permitir que todas as partes envolvidas na gestão empresarial tomem as principais decisões para guiar o empreendimento rumo a melhores resultados e processos.

A produção das demonstrações contábeis deve ser feito pelo setor de contabilidade da organização, ou então por uma empresa especializada na prestação de serviços contábeis. 

Conhecendo as principais demonstrações contábeis

O número de demonstrações contábeis que podem ser feitas é bem vasto. Confira abaixo quais são as principais delas. 

Balanço patrimonial

Considerada a demonstração mais importante para uma empresa, o balanço patrimonial representa da forma mais fiel possível a situação financeira e todo o rol de patrimônios de uma entidade durante um determinado período de tempo.

Sua execução é anual e pode ser feita em qualquer momento do ano, contudo, é mais comum que seja feita no final do ano fiscal. 

O balanço patrimonial apresenta os ativos (bens, valores, créditos, etc)  e passivos (saldo do que é devido). A diferença entre ativos e passivos resulta no patrimônio líquido, ou seja, no capital da organização.

Um balanço patrimonial de qualidade é objetivo, transparente e apresenta visão ampla sobre a situação da companhia.

Fluxo de caixa

A análise do fluxo de caixa apresenta os resultado das movimentações financeiras que foram feitas durante um certo período. O fluxo de caixa pode ser feito diariamente, todas as semanas, mensalmente ou a cada ano.

No relatório do fluxo de caixa estão registradas as entradas e saídas dos recursos empresariais junto com as informações que justificam cada uma das movimentações. 

Esses detalhes permitem que seja compreendido de forma bem ampla como os recursos empresariais foram aplicados e quais foram as principais fontes de receita e despesas.

Demonstração de Resultados do Exercício

Conhecida como DRE, a Demonstração de Resultados do Exercício apresenta a formação do resultado empresarial ao longo do tempo determinado. 

O DRE é emitido todos os anos, algumas empresas emitem DREs parciais em intervalos menores – trimestrais ou semestrais-  para orientar ainda mais as atividades e permitir uma compreensão mais ágil sobre as mudanças necessárias. 

Demonstração do Valor Adicionado

Também conhecido como DVA, este relatório informa as riquezas geradas pela empresa e sua distribuição.

Ficam detalhados aqui as contribuições corporativas para o Produto Interno Bruto do país e a forma como a riqueza foi distribuída entre os principais elementos que fizeram parte da geração dessas riquezas, o que inclui empregados, sócios e poder público.

Notas explicativas

Notas explicativas são as informações que servem para complementar as demonstrações contábeis listadas acima. 

De acordo com o Artigo 176 da Lei 6.404/76, as “demonstrações serão complementadas por notas explicativas e outros quadro analíticos (…) para esclarecimento da situação patrimonial e dos resultados do exercício”, ou seja, são obrigatórias.

Dentro das notas devem estar contidas informações que simplifiquem o entendimento das demonstrações, explicando detalhes ou informações adicionais que são necessárias para tornar as demonstrações financeiras as mais claras possíveis. 

As demonstrações contábeis e o impacto gerencial

Agora, é hora de falar sobre a conexão entre as demonstrações e a gestão estratégica. Elas podem ser de amplo auxílio para o desenvolvimento de um trabalho mais assertivo, que visa rentabilidade e bons resultados.

Por essa razão, as empresas podem adotar análises periódicas, em intervalos de tempo mais curtos e que visam gerar informações consistentes para balizar mudanças e aplicá-las com mais agilidade, a fim de corrigir as rotas e chegar ao final do ano exercício com números mais positivos.

E aqui entra uma questão importante: emitir vários relatórios de desempenho é mais fácil quando se conta com ferramentas tecnológicas em contabilidade. 

A Facilite desenvolve soluções digitais para contabilidade empresarial e escritórios contábeis com a finalidade de oferecer aos seus clientes um recurso poderoso para transformar os processos contábeis em algo mais estratégico, ágil e capaz de ser um importante braço da gestão empresarial de qualidade. 

Organizar e elaborar dados contábeis pode ser algo bem trabalhoso quando o processo é manual. Será necessário coletar informações precisas, calcular e dar forma aos relatórios, e tudo isso se torna mais simples ao contar com a modernidade dos sistemas contábeis, e também com outras ferramentas, como os ERPs. 

Pense o auxílio tecnológico como algo primordial e indispensável para transformar a contabilidade da sua empresa e garantir que o setor atue não só com o fornecimento de dados e execução das atividades fiscais, mas também como uma área capaz de gerar bases estratégicas para atuação corporativa.

Gostou das informações? Então, acompanhe o nosso blog para ficar por dentro das principais dicas de contabilidade e informações úteis para o setor financeiro e a administração da sua empresa.

Comentários